[Resenha] As Violetas de Março

quarta-feira, 1 de maio de 2013
Olá, queridos! Hoje é o primeiro dia do mês - mas abril já foi embora? Pois é, também achei que os dias voaram. Por ocasião do aniversário do blog, prometi lançar algumas promoções, só que o tempo foi curto e eu não consegui colocar tudo no mês passado, o que significa que em maio continuaremos comemorando o niver do blog, certinho?


Agora, vamos de resenha?

_______________________________________

Título original: The Violets of March
Autora: Sarah Jio 
Tradutor: Ronaldo Luis da Silva
EditoraNovo Conceito
Gênero: Romance 
Ano: 2013
Páginas: 304

Sinopse

Emily Taylor é uma mulher jovem e escritora de sucesso, mas não gosta muito de seu próprio livro. Também tem um casamento que parece ideal, no entanto ele acabará em divórcio.Sentindo que sua vida perdeu o propósito, Emily decide fazer as malas e passar um tempo em Bainbridge — a ilha onde morou quando menina — para tentar se reorganizar.

Enquanto busca esquecer o ex-marido e, ao mesmo tempo, arrumar material para um novo — e mais verdadeiro — livro, um antigo colega de escola e o namorado proibido da adolescência tornam-se seus companheiros frequentes. Entretanto, o melhor parceiro de Emily será um diário da década de 1940, encontrado no fundo de uma gaveta.

Com o diário em mãos, Emily sentirá o estranhamento e a comoção causados pela leitura de uma biografia misteriosa que envolve antigos habitantes da ilha e que tem muito a ver com sua própria história.

Assim como as violetas que desabrocham fora de estação para mostrar que tudo é possível, a vida de Emily Taylor poderá tomar um rumo improvável e cheio de possibilidades.

Resenha

"O amor não era uma flor de estufa, forçado a brotar, ainda que relutante. O amor era uma erva daninha que explodia em flor inesperadamente à beira da estrada." (pág. 288 - Years of Grace)

Emily Wilson é uma jovem e bela escritora que ficou famosa após lançar seu primeiro livro, o problema é que há oito anos ela não consegue terminar uma nova história e, para completar o quadro de desilusões, seu marido, Joel, a trocou por outra. Incentivada pela melhor amiga, Annabelle, ela resolve fazer uma viagem para tentar se curar do final do casamento. Nesse meio tempo, ela recebe um cartão da tia-avó, Bee, convidando-a a passar alguns dias em sua casa de praia. No dia seguinte, primeiro de março, Emily decide partir para Bainbridge Island, ilha onde passava os verões na infância e adolescência, com a intenção de ficar durante um mês. 

Em Bainbridge, Emily é bem recebida pela divertida e vívida Bee, uma senhora de oitenta e cinco anos, que a instala num quarto com as paredes pintadas de rosa, onde Emi jamais havia entrado antes. É então que algo totalmente inesperado e surpreendente acontece: Emi encontra um diário datado de 1943. Além de se tornar seu grande companheiro, esse livro escrito por uma mulher desconhecida chamada Esther termina envolvendo Emily num grande mistério que talvez seja capaz de responder muitas interrogações de sua própria vida.

A história é narrada em primeira pessoa, tempo passado. A narração é muito fluida e a leitura bastante envolvente. Cada ponto narrado por Emily está lá por um motivo, nada é contado por acaso. A história é mesmo daquelas intricadas e, embora sejamos capazes de deduzir algumas coisas - encontrar respostas -, muito dos mistérios que pensamos ter solucionado termina recebendo um novo rumo ao avançar das páginas. 

Sarah Jio é realmente uma excelente escritora. Seus personagens são autênticos e muito bem desenvolvidos. Os diálogos também são fluidos, com o uso equilibrado de conectores. Costumo dizer que bons livros são aqueles que conseguem influenciar a minha escrita, e esse com certeza conseguiu.

A diagramação de As Violetas de Março é linda! As páginas são amareladas, padrão da Editora Novo Conceito, e as letras e a fonte são agradáveis, o que torna a leitura muito confortável. Além de tudo, na entrada dos capítulos e no rodapé das páginas há umas florezinhas mimosas que nos fazem, literalmente, mergulhar no clima da história. A capa também foi muito bem-elaborada, embora eu ache que a capa do diário poderia ser vermelha, como é descrita pela protagonista. 

Encontrei alguns errinhos de revisão, pouca coisa, nada que atrapalhe a leitura. Acredito que a editora corrigirá esses pequenos erros na próxima edição.

Bem, me apaixonei por esse livro. Ele é mágico, lindo, encantador... Se você, assim como eu, é do tipo que ama ler romances inteligentes, intricados, cheios de mistérios e com uma boa e equilibrada dose de romantismo, recomendo, urgentemente, a leitura de As Violetas de Março




24 comentários:

  1. Nati disse...:

    Compraria apenas pela capa... Beijos


    Mundo de Nati
    @meuamorpravoce

  1. J. A. Santos disse...:

    Olha, acho que este livro vou ler hehee. "Escritora famosa após lançar o seu primeiro livro", acho que temos quase algo em comum, menos a parte do escritor famoso. Vou vê se eu compro para ler, só por isso mesmo, mas história me chamou atenção. A sua resenha ficou boa. Tem post novo, passa lá.
    http://j-a-santos.blogspot.com.br/

  1. Fabio Shiva disse...:

    Oi Isie!
    Parabéns pelo lindo blog!
    Que tal ser coautora do blog Comunidade Resenhas Literárias e postar lá também suas resenhas?
    Se vc topar, é só passar seu email para o envio do convite ok!
    para fabioshiva@gmail.com
    beijos!

    http://comunidaderesenhasliterarias.blogspot.com.br/

  1. Niki disse...:

    Oi, Isie! O livro parece muito interessante mesmo. Eu gosto de romances que tenham algum diferencial e pela sua descrição, esse é bem elaborado e instigante. Vou incluí-lo na minha listinha e lê-lo assim que conseguir!
    Beijos,
    Niki - http://www.meigaemalefica.blogspot.com

  1. Elliane Ramos disse...:

    oi. tudo bem?
    tem uma TAG pra vc la no blog

    http://ellianeramos.blogspot.com.br/2013/05/tag-curiosidades-sanadas.html

    espero que goste
    bjs
    Elliane Ramos *-*

  1. Elaine Rocha disse...:

    Parece ser um bom livro, e sua resenha convenceu a ler.
    Além disso, a novo conceito arrasa nas capas :)

    E, já que estou aqui, te marquei no meu post "Meme das sete coisas" (http://escritorade1viagem.blogspot.com.br/2013/05/meme-das-sete-coisas.html). Dá uma olhada lá :)

    Beijos!

  1. Suzana disse...:

    Adorei a resenha, esse livro parece ótimo mesmo *-*

    Adolecentro

  1. Juliana Guedes disse...:

    Eu estou louca para ler esse livro, sua resenha ficou ótima.
    beijos

  1. Lara Reis disse...:

    A resenha é muito boa, adoreei! Eu não conhecia este livro, mas parece ser incríveeel!
    Obrigada pelo carinho lá no meu blog! Volte sempre que der! :)
    Bisous,
    www.pequenomuffin.com

  1. OI, isie!

    Boa resenha. Gosto de livros românticos, porém não são meus temas preferidos.
    Mas já me serve como uma boa opção de presente para algumas pessoas que conheço.
    Assim é muito difícil errar. hehehe

    Gosto muito do seu blog e da sua escrita, Isie.

    Parabéns e um grande abraço.

  1. The Lazy Girls disse...:

    Oie Isie ;)
    Acredita que não conhecia o livro?
    Adorei a capa! (mas tbm acho que ficaria bem melhor se fosse velha)
    Eu adoro historias com mistérios inteligentes, me fazem ler muito rápido! Gostei bastante da história, com certeza pretendo ler no futuro...Pq agora minha fila de leitura tá enorme! kkkkkk

    Tem resenha nova lá no blog, quer ler?
    Desde já obrigada!

    Fallen In Me
    - PatyScarcella

  1. Isie, fiquei mesmo com muita vontade de ler o livro, acho que será o próximo da minha lista.
    A história parece muito boa, adoro esse tipo de história e já que temos gostos parecidos em relação aos livros, acho que também irei gostar!
    Ah, fiquei muito curiosa sobre o diário... :)

    Obrigada pela dica.

    Beijão :)

  1. Angela Graziela disse...:

    Estou com o livro aqui
    Mas ainda não tive oportunidade de ler, pela falta de tempo
    E já esta na lista, ainda mais depois dessa resenha

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

  1. Júh Britto ♥ disse...:

    OI Isie
    Eu não conhecia esse livro ainda adorei a resenha fiquei curiosa para ler

    bjos e bom final de semana

    http://framboesabrazil.blogspot.com/

  1. Thami disse...:

    Eu já estava afim de ler esse livro e agora que você falou "Se você, assim como eu, é do tipo que ama ler romances inteligentes, intricados, cheios de mistérios e com uma boa e equilibrada dose de romantismo, recomendo, urgentemente, a leitura de As Violetas de Março." tive a certeza de que tenho que comprá-lo. Já coloquei ele na lista para comprá-lo na Bienal que vai ter esse ano aqui no RJ.

    Xx
    www.likeparadise.com.br

  1. TB disse...:

    Parece ser uma leitura leve e deliciosa!
    Beijo,
    Nic

  1. Achei o livro interessante, acho que vou ler, apesar de não me parecer tão original assim...
    Gostei da sua resenha :)

    www.nadandoemlivros.blogspot.com

  1. Camilla Gomes disse...:

    Adorei está resenha, eu sinceramente não conhecia o livro mas pelo que li da resenha ele é muito bom. Gostei muito. Quando eu tiver oportunidade irei compra-lo. Beijos, http://distanciacerta.blogspot.com

  1. Lucas disse...:

    Olá Isie,
    Eu não compraria esse livro pela capa, mas a estória está sendo super elogiada. Então, quero ler! Ótima resenha!
    Parabéns pelo blog, sucesso!

    Lucas / Era uma vez
    livrosecontos.blogspot.com

  1. Flávia Penido disse...:

    Esse tá na minha fila de leitura, acho que pra junho ou julho ahaha
    Nao tinha lido resenha desse livro ainda e fiquei bem animada de saber que é uma história muito boa! Ainda bem!
    Gosto dessas historias que envolvem o passado e são contadas em diarios. Achei a capa muito bonita tb e nem sabia do detalhe da cor.
    Ah, minhas sementinhas do kit tão nascendo ahaha

    Bjos!

  1. Paloma Viricio disse...:

    Hum....eu amei esse livro. Já li faz um tempinho e fiz até vídeo resenha,mas nem sei se irei conseguir colocar no ar, minha net está uma porcaria. Esse se tornou um dos meus favoritos e ameii a escrita e diálogos da autora também.
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma.

  1. Joana Argenta disse...:

    Oi Isie,
    Eu tenho esse livro na estante, e mesmo gostando da sinopse, não tenho uma vontade louca de pegar o livro. Posso dizer que sua resenha me ajudou um pouco. Gosto de livros assim, que sejam fluídos e não largam coisas por acaso. É tão chato quando os autores escrevem tantas coisas que nem eles lembram, não? Quem sabe esse mês eu leia, haha.
    Beijinhos ♥
    Joana - www.poderosasegirlies.com.br

  1. Elder Ferreira disse...:

    Confesso que uso esse critério pra avaliar livros também (mas claro que não deixo explícito pois é super subjetivo): o quanto o livro influencia na minha escrita e a amadurece. Eu não sou nenhum escritor, nem gosto de usar o rótulo. Mas ainda a escrita como expressão individual, só pra mim e mais ninguém, é afetada por esses livros de escritas talentosas.

    Sobre o livro, confesso que a história não me despertou atenção, mas achaste tão bom que eu acho que daria uma chance também, talvez tenham coisas mais interessantes pelas páginas que ocultaste na resenha porque essas coisinhas podem ser interpretadas como spoilers.

    Um abraço.

  1. José Agenor disse...:

    Olá moça, me parece ser muito bom o livro, adoro romances e sua resenha faz com as pessoas tenham vontade de ler.

    Parabéns!

    http://blogagenor.blogspot.com.br/

Postar um comentário

A sua participação é muito importante. Comente!