Meus filmes preferidos 1970, 1980, 1990

quarta-feira, 6 de março de 2013


Ontem pela manhã, dei uma passadinha no blog do Leonardo Schabbach (Na Ponta dos Lápis) para conferir o comentário que ele postou sobre Gigantes de Aço, filme que eu amei assistir, especialmente por me fazer lembrar de um dos meus filmes favoritos da década de 80. Devaneio vai, devaneio vem, resolvi revelar a vocês quais foram os filmes da minha infância e adolescência - o post ficou meio longo, então, caso conheçam os filmes, basta ler os comentários. Preparados para a sessão recordar é viver? Por ordem de lançamento, sem pódio.


Jesus de Nazaré




Título original: Jesus of Nazareth
Ano de lançamento: 1977
Gênero: Épico

Sinopse

Concebido pela Virgem Maria (Olivia Hussey) e passando por uma sofrida infância de peregrinação, Jesus (Robert Powell) vem à terra com a missão de salvar os homens, mas é traído e humilhado justamente por eles. Após ser preso, torturado e crucificado, ressuscita divinamente.

Comentário



Eu sou cristã e sei que Jesus não tinha aparência europeia, mas ainda não assisti a um filme sobre a Paixão de Cristo cujo ator fosse tão profundo quanto Robert Powell. O olhar dele era, simplesmente... Não sei explicar. Fico sempre emocionada quando assisto a esse filme, é como se eu estivesse vendo a ação do próprio Jesus na Terra.


O Corcel Negro

Título original: The Black stalion 
Ano de lançamento: 1979
Gênero: Ação e Aventura

Sinopse

Em 1946, ao largo da costa africana. Enquanto viajava com seu pai, o jovem Alec Ramsey (Kelly Reno) ficou fascinado por um belo cavalo árabe, que tinha ido para bordo e estava sendo transportado. Quando o navio tragicamente afunda, apenas Alec e o cavalo sobrevivem e ambos vão parar em uma ilha deserta. Dentro das suas limitações cada um ajuda o outro como pode e surge uma amizade entre o garoto e o cavalo. Assim, quando Alec é resgatado, o cavalo vai para casa com ele. Um dia o garanhão se assusta e foge. Após muito procurar, Alec o encontra no estábulo de Henry Dailey (Mickey Rooney), um ex-treinador de cavalos que resolve voltar à ativa, para treinar o cavalo mais rápido que ele já viu correr.

Comentário



Infelizmente, já não me recordo muito desse filme, pois era bem pequena quando o assisti - eu nasci em 1982. Talvez pareça estranho que eu esteja classificando um filme do qual pouco me recordo como favorito, mas o fato é que a lembrança do amor entre o garoto e seu cavalo é forte em meu coração. Depois foram lançados mais dois filmes, as sequências O Retorno do Corcel Negro (1983) - do qual me recordo mais - e O Jovem Corcel Negro (2003). Acredito que essa trilogia pode ter inspirado o criador de Cavalo de Guerra, filme que resenharei em breve aqui no blog.


A Lagoa Azul


Título original: The Blue Lagoon
Ano de lançamento: 1980
Gênero: Aventura, drama e romance

Sinopse

Emmeline (Brooke Shields) e Richard (Christopher Atkins), duas crianças, juntamente com Paddy Button (Leo McKern), um velho marinheiro, são os únicos sobreviventes de um naufrágio numa época em que navegar era a única forma de viajar. Após ficarem à deriva por várias horas, eles vão parar em uma ilha tropical que é um verdadeiro paraíso. O lugar não oferece perigo, pois não há animais selvagens, mas após algum tempo Paddy morre. Com o tempo Emmeline e Richard se tornam adolescentes e vivem em uma cabana que eles mesmos construíram. Neste período, novas emoções influenciam o relacionamento deles, os dois descobrem o amor e logo Emmeline está grávida. Na noite em que o filho deles nasce, Richard descobre a origem dos tambores que eles ouvem de vez em quando no "lado proibido" da ilha.

Comentário


 

Um filme inocente, bonito e emocionante. Eu o assisti novamente há dois ou três meses e a emoção que senti foi a mesma - ou até maior - que sinto quando assisto a um bom filme atual. A Lagoa Azul não tem nenhum efeito especial, mas é tudo tão genuíno... O filme sequencial, De Volta à Lagoa Azul, lançado em 1991, também é lindo. No ano passado, foi lançado o remake A Lagoa Azul: O Despertar. Ainda não o assisti, mas li a crítica, e não foi boa.


Falcão, o campeão dos campeões


Título original: Over the Top
Ano de lançamento: 1987
Gênero: Ação

Sinopse

Quando descobre que sua ex-mulher (Susan Blakely) sofre de uma doença incurável, Lincoln Hawk (Sylvester Stalonne), caminhoneiro e ex-lutador, tenta reconquistar o amor do filho do casal (David Mendenhall), educado em um colégio militar, e fortemente influenciado pelo avô materno (Robert Loggia).

Comentário

Em minha opinião, esse filme foi a inspiração - ou base - para quem escreveu Gigantes de Aço. As histórias são quase idênticas. As maiores diferenças são a época e as lutas - em vez de robôs lutando boxe, Falcão tem caminhoneiros "gigantes" disputando quebra de braço. O filme é lindo! Uma história de pai e filho que vale a pena assistir mil vezes.


Kickboxer


Título original: Kickboxer
Ano de lançamento: 1989
Gênero: Ação

Sinopse

Kurt Sloane (Jean-Claude Van Damme) é um jovem lutador de Karatê que ajuda seu irmão mais velho, Eric Sloane (Dennis Alexio), nos treinos de kickboxing. Após se tornar campeão mundial dos pesos pesados, Eric vai para a Tailândia defender o título, enfrentando o invencível "Tong Po" (Michel Qissi). Durante a luta, ele é grave e covardemente ferido, ficando paralítico. Em busca de justiça, Kurt decide defender a honra da família no ringue, se submetendo a um pesado treinamento de Muay Thai com um famoso mestre local, chamado Xian Chow (Dennis Chan).

Comentário




Gente, vocês não têm noção do quanto eu amava filmes de luta - ainda amo, mas já não fazem filmes de luta como antigamente. Eu assistia a todos! Não dá para dizer que foi apenas uma febre, pois eu assistia aos filmes de Bruce Li, Chuck Norris (Braddock), Sylvester Stallone (Rocky e Rambo), Arnold Schwarzenegger (Comando para matar e O Exterminador do Futuro), Van Dame, Brandon Lee e Steven Seagal (os dele eram os mais violentos) - será que esqueci alguém?  Ah, o Ralph Macchio (Daniel-san de Karatê Kid), claro! Mas essa foi uma série tão leve que nem vou considerar. A série Kickboxer, sem dúvida, foi a minha favorita. E é curioso dizer que eu gostei mais dos filmes a partir do segundo, estrelado pelo ator Sasha Mitchel, como David Sloan, irmão mais novo de Eric e Kurt. Teve até um filme gravado no Brasil (Kickboxer 3 - A Arte da Guerra).


Forrest Gump


Título original: Forrest Gump
Ano de lançamento: 1994
Gênero: Comédia dramática, romance

Sinopse

Quarenta anos da história dos Estados Unidos, vistos pelos olhos de Forrest Gump (Tom Hanks), um rapaz com QI abaixo da média e boas intenções. Por obra do acaso, ele consegue participar de momentos cruciais, como a Guerra do Vietnã e Watergate, mas continua pensando no seu amor de infância, Jenny Curran.

Comentário

Apesar de Forrest ser considerado um idiota, acho que o mundo precisa mesmo é de mais gente como ele: inocente, amável, fiel e genuinamente bom. Um filme inteligente e inesquecível. Eu amo o Forrest!


A Princesinha


Título original: A Little Princess
Ano de lançamento: 1995 
Gênero: Aventura e drama 

Sinopse

1914, Simla, Índia. Sara Crewe (Lisel Matthews) é uma garota inglesa que vivia feliz, apesar de ser órfã de mãe. Quando eclodiu a 1ª Guerra Mundial, seu pai, o capitão Crewe (Liam Cunningham), que pertencia ao exército inglês, teve que ir para a guerra. Porém antes vai a Nova York para deixar Sara num luxuoso internato para moças, no qual a mãe dela já estudara e que é administrado agora com mão de ferro pela Srta. Minchin (Eleanor Bron). A Srta. Minchin fica incomodada com a criatividade de Sara, que logo cativa a maioria das garotas. Um dia o Sr. Barrow (Vincent Schiavelli), o advogado do pai de Sara, chega ao colégio para dizer que não haveriam mais pagamentos, pois o pai de Sara tinha morrido em combate. Minchin então faz Sara trabalhar como uma criada, para pagar sua estada ali.

Comentário

Sensível e mágico... Acho que essas duas palavrinhas são capazes de sintetizar a história desse lindo filme. Chorei quando era adolescente e chorei com 29 anos. Tudo bem, eu sou uma manteiga derretida, mas o fato é que A Princesinha, assim como O Jardim Secreto, outra adaptação da autora Frances Hodgson Burnett - não vou listá-lo, mas também está entre os meus favoritos -, é um filme de grande sensibilidade. Jamais o esquecerei!

Outros filmes amados

A Força do Destino (1982)
Admiradora Secreta (1985)
De Volta para o Futuro (1985, 1989, 1990)
Conta Comigo (1986)
Curtindo a Vida Adoidado (1986)
Ases Indomáveis (1986)
La Bamba (1987)
Dirty Dancing (1987)
Rain Man (1988)
Uma Linda Mulher (1990)
Tudo Por Amor (1991)
Velocidade Máxima (1994 e 1997)
Cidade dos Anjos (1997)
A Outra Face (1997)
Matrix (1999 e 2003)

Destaque especial para os que estão em rosa.

22 comentários:

  1. Júh Britto ♥ disse...:

    Bom dia Isie
    Muitos filmes desses eu ja assisti e também gosto muito meu preferido da sua lista é Forest Gump´lindo filme

    bjos

    http://framboesabrazil.blogspot.com/

  1. AGRIDOCE disse...:

    Oi!!! Adoei seu post. voltei uns bons anos. Adorava os filmes do Van Damme na minha adolescência. Fiquei saudosista agora. Lindo blog.
    Eykler

    www.aghridoce.blogspot.com.br

  1. Raiana Alves disse...:

    Oi Isie :)
    Adorei esse post! Amo Forrest Gump e A Princesinha. Curtindo a Vida Adoidado, Uma Linda Mulher e Dirty Dancing estão entre os meus filmes preferidos. Você já assistiu os filmes com a Molly Ringwald, A Garota de Rosa-Shocking, Clube dos Cinco e Gatinhas e Gatões (Sixteen Candles)? São muito bons!
    Beijos
    Raiana - Território Pop

  1. Isie Fernandes disse...:

    Oi, Raiana.

    Claro que sim. Eu amo Gatinhas e Gatões também, mas não entrou para a lista dos favoritos. Na verdade, sempre fui fã do Micheal Schoeffling (Minha Mãe É Uma Sereia) - ele era muito bonito. Ah, tem um filme que esqueci... Admiradora Secreta (1985), lembra?

    Beijos!

  1. Falcão é o que há. Falando de Van Damme, O Grande Dragão Branco é um super ultra clássico também. Muito bom!

  1. Angela Graziela disse...:

    Nossa, muito desses eu nem me lembrava
    E a lagoa azul é um clássico

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

  1. Marli Carmen disse...:

    Oi, assisti praticamente todos...adorei ler sua postagem e relembrar
    Beijinhos para ti.
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

  1. Paloma Viricio disse...:

    Olá Isie! Desejo sorte na promoção lá do blog.Esses filmes parecem encantadores, adorei. Vi alguns e outros pretendo ver.
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

  1. Marco Antonio disse...:

    Bom dia Isie,

    Você desenterrou uma relíquias aqui....muito bom...belo post....tem resenha nova no blog...abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

  1. A lagoa azul passa todo dia na rede globo! rs.. não brincadeira, ja vi muitas veses, ja super enjoei, mas é concertesa um filme inocente e com uma história linda! >< Adoro filmes cristãos, mas sou muito fraca para as cenas fortes, é fechar os olhos ou chorar! rs.. amei suas dicas e tals, nunca vi a maioria dos filmes citados :D beijos!!

  1. July Gomes disse...:

    Que legal!Alguns filmes que te marcaram me marcaram também. Falcão, acho o máximo, Forrest Gump, acho tudo de bom, mas Dirty Dancing é meu xodó, pode passar dez mil vezes que assisto.

  1. Camila disse...:

    Esses filmes são muito bons :)

  1. Juliana Guedes disse...:

    Ah, nossa eu também gosto de Lagoa Azul e Corcel Negro.
    ótima lista,
    beijos

  1. Thami disse...:

    Os únicos dai que eu já assisti foram: A Lagoa Azul (muuuuito bom, sou apaixonada por esse filme) e Dirty Dancing. Os outros eu devo ter visto só umas partes mas nunca vi-os inteiro.

    Xx
    www.likeparadise.com.br

  1. Paloma Viricio disse...:

    Olá Isie!^^ Vim aqui para te desejar um ótimo final de semana com muita diversão, ok?
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

  1. Escuta Essa disse...:

    Oi Isie
    Da sua lista os filmes que eu mais gosto de ver e rever são:

    A Lagoa Azul
    A Força do Destino (1982)
    Admiradora Secreta (1985)
    De Volta para o Futuro (1985, 1989, 1990)
    Conta Comigo (1986)
    Curtindo a Vida Adoidado (1986)
    Ases Indomáveis (1986)
    Uma Linda Mulher (1990)

    Beijinhos
    Renata
    http://www.escutaessa.blogspot.com.br/
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

  1. Lauri Brandão disse...:

    Eu assisti as duas versões da Lagoa Azul, mas eu adoro a com a Milla Jovovich, é simplesmente perfeito e fez parte da minha infância.
    Os filmes que vc colocou algunas deles eu adoro, outros eu não conhecia.
    Caixinha de Correios #12
    Confere lá!
    Manuscrito de Cabeceira
    Bjs.

  1. Flavia disse...:

    Que saudade que me deu desses filmes *o*
    Assisti alguns qdo eu era criança! Jean Claude Van Dame fez parte da minha infância ahahaha!
    A Lagoa Azul é um clássico né? Assisti 999 vezes das 1000 que passou na televisão! ahahahaha
    Forest Gump eu tinha em VHS!
    Cidade dos Anjos é meu filme favorito *o*
    Não canso de ver Uma Linda Mulher!!

    Adorei esse post! Amei muito!
    ♥♥♥♥♥♥♥♥♥
    Bjokas
    Flavia - Livros e Chocolate

  1. Luara Cardoso disse...:

    Dirty Dancing e A Lagoa Azul marcaram, não é, Isie? Ótima lista!

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

  1. Vinícius Costa disse...:

    A Lagoa Azul é clássico! rsrs
    Beijos,
    Vinícius - Livros & Rabiscos

  1. Carol disse...:

    Eu adoro A Lagoa Azul..
    Era um dos meus filmes preferidos quando era criança =)
    Adicionaria alguns mas como Ritmo Quente!
    Adoooro esse filme, tenho até o DVD em casa =D
    Adorei o post super criativo.

    Adorei teu blog.
    Beijos,
    Carol e seus livros.

  1. Cida disse...:

    Este post foi nostalgia pura, que delícia relembrar este filmes de Sessão da Tarde.
    Meu favorito, La Bamba. Deu até vontade de dançar.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

Postar um comentário

A sua participação é muito importante. Comente!