[Resenha] A Noiva Trocada

terça-feira, 11 de dezembro de 2012


Olá, pessoal. Como vão todos? Depois de alguns dias de férias forçadas - peguei uma virose muito chata -, cá estou de volta. Durante esses dias, aproveitei bastante para ler e até fiz parceria com mais uma escritora nacional, Mônica Cadorin. Ela é minha companheira de fórum e tem uma carreira literária de mais de vinte anos. Que máximo, não é mesmo? A Mônica é bastante experiente e publica por conta própria um romance a cada ano. O título da vez é "A Noiva Trocada". Em breve, um exemplar autografado será sorteado aqui no blog, então confiram a resenha. 

_____________________________________

A Noiva Trocada

Autora: Mônica Cadorin
ISBN: 9788591091119
Editora: Edição do Autor
Gênero: Romance Histórico
Ano: 2012
Páginas: 73

Sinopse

Assunción chega ao Rio de Janeiro em 1579 para se casar com Henrique, um noivo que ela nunca viu. Quando os empregados dele vêm buscá-la, encontram-na desmaiada, e acham melhor levar outra moça, que se faça passar pela noiva no dia da chegada, para causar uma boa primeira impressão ao noivo. Inês é contratada para esse fim e cumpre bem seu papel mas Assunción não toma seu lugar no dia seguinte, por ainda não estar bem, e deixa espaço para que Henrique se apaixone pela falsa noiva e descubra que foi enganado.

Resenha

Amândio e Miguel, funcionários de Dom Henrique, recebem a incumbência de ir buscar a noiva prometida ao patrão, a bela espanhola de dezenove anos, Assunción, no porto. O problema é que o navio se adiantou e agora eles não fazem ideia de onde ela esteja. Após procurá-la por um tempo, recebem uma pista do Capitão e seguem a procurá-la até que a encontram desmaiada numa taberna. Ao perguntar sobre o ocorrido, a taberneira Inês, uma bela jovem de vinte e um anos, explica que a moça tomou três garrafas de vinho e apagou. Amândio e Miguel ainda tentam acordá-la, mas, vendo que é impossível e temendo que a bebedeira cause má impressão no noivo, o implacável Dom Henrique, eles têm uma grande ideia: trocar a noiva.

Não sem relutância e com alguma pechincha, a taberneira Inês aceita passar-se como noiva de Dom Henrique durante um dia, pela quantia de dois mil réis. No caminho para a fazenda, Amândio trata de instruí-la acerca de seu papel. Como Inês e Assunción não são muito parecidas, eles decidem que ela deve usar uma mantilha, a fim de cobrir os cabelos castanhos em vez de negros, e um leque para esconder a sua face.

A chegada à casa dá-se ao anoitecer, e isso termina favorecendo as coisas para Inês. Após o jantar, a jovem resolve ir para o quarto descansar e fica pensando em como farão a troca pela manhã, mas então alguém lhe bate à porta e, para seu desespero, o visitante é Dom Henrique, requerendo de si um pouco menos de formalidade. Ao final de algumas tentativas frustradas, o jovem obstinado consegue arrancar-lhe um beijo cálido e Inês, que nunca fora beijada antes, termina ficando balançada. Na manhã do dia seguinte, Assunción ainda não está recuperada, de modo que não é possível fazer a troca, e, para completar a agonia de Inês, mesmo ela tendo alegado indisposição, Dom Henrique resolve passar o dia inteiro ao seu lado, destilando gentilezas.

Narrado em terceira pessoa, tempo passado, A Noiva Trocada é uma história leve, romântica e divertida, do tipo que a gente começa a ler e não consegue parar mais até que chegue ao fim. A ambientação é muito bem feita. O fato de a autora ser historiadora, com certeza, colabora nesse sentido. Ela contou com detalhes e dinamismo, ao mesmo tempo, o processo da produção do açúcar, bem como um pouco acerca da produção da cachaça, e o que é melhor, quase tudo através de diálogos! Sim, a autora praticamente dialogou a história inteira, o que foi excelente, pois as descrições foram passadas de modo natural, como se estivéssemos realmente observando uma conversa, só que entre pessoas que viveram no Rio de Janeiro de 433 anos atrás. 

No quesito enredo, Mônica também foi muito competente. Temos um início, meio e fim bem definidos, e todos os personagens recebem a sua devida resolução. Não há furos na história e o ritmo da narração é realmente muito bom. A linguagem, apesar de ser autêntica e característica da época, é bastante leve, sem o uso exagerado de palavras arcaicas ou de difícil compreensão - eu, particularmente, não tive dúvida acerca de nenhuma palavra. E o sotaque de Assunción ficou realmente perfeito. Eu me diverti muito com ela e com os demais personagens da história. 

Quanto à diagramação, não posso falar, visto que o li em e-book. Mas acredito que seja simples, já que é uma produção independente. Gostaria de dizer também que, embora a autora o tenha classificado como romance, eu o considerei como novela, visto que o tema do livro tem apenas um conflito principal e um secundário, e que os personagens, apesar de serem um tanto mais complexos do que nos contos, estão em busca da mesma resolução.

Bem, depois de tantos elogios e empolgação com o livro, eu super-recomendo a leitura de A Noiva Trocada tanto para adolescentes quanto para jovens e adultos. É uma leitura muito leve e prazerosa para se fazer em apenas uma ou duas horas. Sem sombra de dúvidas, vocês vão se divertir! 



Sobre a autora

Mestre em História e Crítica da Arte pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Dedica-se à literatura desde 1985, com especial ênfase ao romance histórico. Participou de cinco coletâneas de textos literários, apresentando poesias e crônicas. Publicou seis romances com a Editora Sotese e dois romances independentes. É Membro Correspondente da Academia Brasileira de Poesia - Casa Raul de Leoni desde 1998 e Membro Titular da Academia de Letras de Vassouras desde 1999.

Twitter: @monicadorin
Facebook: Mônica Cadorin
Compre o livro: BlogLivraria


28 comentários:

  1. Alice Aguiar disse...:

    uau fiquei encantada com o livro.
    adorei a resenha.

  1. Raquel Machado disse...:

    Oi flor,
    Nossa espero que esteja melhor essas viroses de fim de ano são o oh ne? Entao sobre o livro não conhecia a autora mas achei bem interessante a ideia tanto porque adoro romances e me impressioei ao saber que ela lança tudo independente corajosa ela...adorei sua resenha me chamou atenção espero algum dia poder ler.
    Bjsss
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa
    http://leiturakriativa.blogspot.com/

  1. Claro que tinha que ser bom o livro, né? Nunca li nenhum livro de Mônica, mas pelo pouco que a conheço do fórum, por todo seu conhecimento, e por todas as dicas que ela nos dá, já posso imaginar que tem coisa boa por ai...
    Irei participar do sorteio, estou esperando ele aparecer por aqui.

    Beijos :)
    Camila - Ninho de Fogo

  1. Niki disse...:

    Oi! Espero que você já esteja bem e te desejo boas melhoras. Adorei a resenha: não conhecia a autora nem o livro e o enredo me chamou a atenção. Vou anotar como sugestão!
    Beijos.

  1. Anônimo disse...:

    Boa tarde Monica tudo bem?

    Parabéns pela Resenha!!!

    Sou do site nexbuy.com.br

    Se voce tiver interesse voce pode vender seus livros digitais pela nexbuy no facebook,

    Qualquer duvida estou a disposição,

    Nexbuy

  1. Parece ser um livro muito bom! Adoro romances ainda mais históricos...
    Beijos,
    Carol.

    Curte nossa página no face? CarolPaivaBlog fan page

  1. Isie, espero que esteja melhor. Também havia pego uma virose e estive mal, mas felizmente estou bem. Muito chato isso, mas passa. \Õ/

    Adorei sua resenha. Não conhecia o livro, mas o achei super legal e divertido. A temática também é bacana... quando bem trabalhada, vale a pena ser lida. ;)

    Um abraço!
    http://universoliterario.blogspot.com.br/

  1. July Gomes disse...:

    Hum,parece uma leitura boa mesmo.Sera que lembra A Senhora de Jose de Alencar?
    Gostei da dica.

  1. Parabéns pela parceria! Mônica Cadorin parece ser mesmo muito gabaritada e a resenha do livro A NOIVA TROCADA é muito interessante. Isie, a propósito, aceite meu convite e venha ver o texto de número 292 de minha literatura amadora. >>> HEMATÓFAGO no http://jefhcardoso.blogspot.com lhe espera. Abraço!

  1. Rafa Oliveira disse...:

    Deve ser um livro fantástico, um enredo bem diferente.
    Rafa
    Blog Melody
    http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/

  1. Fashion Jacket disse...:

    Fiquei curiosa para ler.

    Beijos

    Jéssica
    Fashion Jacket

  1. Karina pink disse...:

    te seguindo flor!
    vem retribuir,pinkbjs
    http://pinkbelezura.blogspot.com.br

  1. Flavia disse...:

    Eita.. melhoras pra vc!
    Parabens pela parceria e apesar de nao ter achado a capa do livro muito bonita, adorei a forma como vc resenhou. Parece ser muito legal mesmo a história!

    Bjokas
    Flavia - Livros e Chocolate

  1. Paloma Viricio disse...:

    Que interessante esse livro! Euu adoro livros sobre casamento, sabia? Não sei porque...kkk Essa é uma trama que gostaria muito de ler. Ameiii demais a capa também. Adoro os pontos principais que coloca na resenha. Bem...que achei você sumida. Espero que recupere-se totalmente dessa virose!^^
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

  1. Louise Mello disse...:

    Olá,Isie.
    Não conhecia este livro e nem a autora.. ADORO conhecer livros e autores novos :)
    Gostei de sua resenha,parece ser um livro bem bacana e daqueles que a gnt lê rapidinho!
    Você sumiu do blog por esses últimos teempos..
    Beijo
    http://livrosleituraseafins.blogspot.com.br/

  1. Lauri Brandão disse...:

    O tipo de estória que simplesmente amo! Me lembra muito um livro que tenho da Judith Macnaught.
    Um livro que já me conquistou só em ler sua resenha.
    Já vou tentar baixar ou comprar.
    Livros em Série #04.
    Passa lá!
    Manuscrito de Cabeceira.
    Bjs.

  1. Leandro de Lira disse...:

    Oi!
    Não conhecia a autora e nem seu livro, mas fiquei bastante interessado. Gosto de história leves como essa. E a sinopse me deixou bastante interessado.
    Acredito que seria uma boa leitura.
    Parabéns pela resenha, Isie! (:
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

  1. Viviane Alves disse...:

    gostei do livro, boa dica
    bjs e ótimo domingo
    Vivi
    http://www.viviass.blogspot.com.br/

  1. Guilherme disse...:

    Ainda não conhecia a Mônica e seu livro, apos ler sua resenha Isie fiquei bastante curioso para lê-lo parece ser uma leitura bem-humorada e divertida ^^

    Beijos.
    Guilherme
    http://umcompulsivoleitor.blogspot.com.br

  1. Angela Graziela disse...:

    Ainda não conhecia
    Mas me chamou bastante atenção, principalmente o titulo
    Sem conta sua resenha...

    Beijos
    Boas festas *-*
    @pocketlibro
    pocketlibro.blogspot.com.br

  1. Escuta Essa disse...:

    Parabéns pela parceria!!
    Não conhecia a autora e o livro, e adorei conhecer! O livro parecer ser muito fofo e romântico, gostei logo de cara.

    Beijinhos
    Renata
    http://escutaessa.blogspot.com.br
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

  1. The Lazy Girls disse...:

    Oi Isie ;)
    Que bom que melhorou, sentimos sua falta!
    Ficar doente é muito chato, mas parece que essa temporada de cama te rendeu uma ótima parceria e leitura neh? Adorei a resenha, só de vc contar já consegui imaginar o ambiente! Amo romances históricos *-* estou muito curiosa!
    (vc falou sorteio???? rs)

    Tem post novo lá no blog, quer ler?
    Desde já obrigada!

    Fallen In Me
    - PatyScarcella

  1. Fashion Jacket disse...:

    mas você tá melhor? *-*
    adorei o livro, deve ser bem legal!


    Beijos!
    Nathália • Fashion Jacket

  1. Amanda Tôrres disse...:

    Qye isso Isie, eu sei como é ter que ficar om tempo sem postar no blog, não se preocupe. Nossa, vou procurar os filmes que voce disse no meu blog, gosto de um drama de veznquando também haha;
    E achei muito interessante esse livro, vou procurar ele, tava procurando autores brasileiros, sei lá, é bom incentivar nossos escritores né ?
    bjs
    naquelemoemntoeujuro.blogspot.com

  1. Taty disse...:

    Amei a estoria quero ler esse livro e já estou torcendo pela Ines hehe

    bjos

  1. RCMG disse...:

    Só o pitel, a resenha. Parabéns, Isie. Temos que valorizar os autores nacionais, especialmente os novos. Eu já comprei o livro. Só esperando chegar.

  1. Fico feliz em ver que autoras tão esforçadas e talentosas como a Mônica Cadorin,estejam aos poucos recebendo o devido reconhecimento,blogs como este ajudam a divulgar o trabalho dos autores que não possuem o apoio das editoras.E o número de tais blogs aumentam a cada dia^^Parece que estamos diante de uma revolução literária,onde os leitores descobrirão que nossos escritores são capazes de contar grandes histórias como a mesma qualidade que os escritores estrangeiros (:

  1. Puxa! Amei a resenha e quero muito ler o livro. Parabéns.
    Gostei muito da capa apesar de ser bem simples.

Postar um comentário

A sua participação é muito importante. Comente!