[Sonhos] Condensação e Deslocamento

terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Olá, queridos. Como foram de Natal? Espero que todos tenham se divertido bastante e, melhor do que isso, tendo confraternizado e compartilhado a compaixão de Jesus Cristo com suas famílias, amigos e semelhantes. Comemoramos o nascimento do Menino Jesus em 25 de dezembro - estudiosos concluem que seu nascimento ocorreu, na verdade, no mês de Kishrei (setembro/outubro) do calendário judaico -, mas sabemos que o evento mais importante na vinda do Filho de Deus ao mundo não foi o seu nascimento, e sim sua morte na Cruz. Através de Seu sacrifício foi que recebemos o livre acesso ao Pai. E agora, por meio da fé na obra de Cristo, podemos ser chamados filhos de Deus (João 1 :12).

Bem, que o nosso Natal seja a essência do amor de Jesus presente em nós durante todos os dias das nossas vidas. Mas, mudando radicalmente de assunto, pois a postagem de hoje é sobre sonhos e elementos dos sonhos, confiram um dos meus sonhos e sua provável compreensão, com base em estudos da Psicanálise, que contei em 31 de agosto de 2011, no tópico Sonhos do Fórum Escreva Seu Livro.

___________________________________________

Condensação e Deslocamento


A questão dos sonhos é mesmo muito complexa. Minha mãe sempre sonha que é adolescente, eu sempre sonho com uma casa que não existe mais. A mente inconsciente manifesta pensamentos em códigos numa ordem diferente da mente consciente - sem ordem lógica ou sequencial. Assim, é muito complicado tentar decifrar os sonhos, porque eles sempre vêm disfarçados - exceto os sonhos das crianças, que geralmente expressam aquilo que elas viram, pensaram ou desejaram quando estavam acordadas. 

Outro dia, sonhei que tinha dois pretendentes, os quais eu amava igualmente de paixão, e precisava escolher um deles para me casar. Então, eles começaram a me pressionar muito - eu queria me casar com os dois, mas precisava optar por ficar com apenas um deles. Daí, quando tive que dar minha resposta, olhei para ambos e falei: "A pessoa com quem eu quero ficar de verdade não está aqui"; e pensei em meu esposo.

Analisando esse sonho de um modo natural, qualquer um pensaria que eu sou uma indecente. Mas, considerando os disfarces dos sonhos conhecidos pelos profissionais da área psíquica - só conheço Condensação e Deslocamento -, ficaria claro que o foco principal desse sonho não era exatamente "romântico". 

Para que se entenda, a Condensação é uma espécie de mistura, combinação de elementos no sonho: uma pessoa, a quem eu chamo de José no sonho, está vestida como João, mas tem a aparência de Pedro, contudo, meu entendimento jura que é Mateus; enquanto o Deslocamento é a substituição de um elemento por outro mais remoto que alude ao primeiro - uma troca da ênfase de um elemento importante por outro que não é importante. 

Então, compreendendo o meu sonho... Eu tinha dois pretendentes, que poderiam ser duas possibilidades, duas coisas que, aparentemente, eu desejava muito, e só podia ficar com uma. Havia a necessidade de escolha e, obviamente, eu estava em cima do muro - ninguém tem grande facilidade para escolher entre duas coisas que deseja muito, e na mesma medida. Por fim, respondi que não queria ficar com nenhum dos dois pretendentes, pois me lembrei que havia algo mais importante, alguém a quem eu amava mais, e de verdade. 

Em suma, provavelmente eu estava sendo apertada por alguma questão difícil de decidir nesse período - não me lembro mais o que pode ter sido -, mas meu inconsciente quis sinalizar ao meu consciente que, na verdade, embora a necessidade de escolha estivesse me oprimindo, havia uma decisão melhor, que me deixaria mais satisfeita, e eu não estava conseguindo enxergar (eu não via meu marido no sonho, só me lembrava dele no final), devido ao problema (ter que escolher).

Perceberam como um simples sonho pode esconder um monte de códigos?



_____________________________________________

Como eu sonho bastante e escrevo textos baseados em meus sonhos - tenho contos, capítulos e romances inteiros escritos com base nos meus sonhos -, pretendo postar sobre o assunto de vez em quando. No mais, vamos sonhar - dormindo e acordados -, pois é bom, saudável e faz bem!

10 comentários:

  1. Angela Graziela disse...:

    Nossa, eu amei o post
    Muito bem escrito e esta lindo

    Beijos
    Boas festas *-*
    @pocketlibro
    pocketlibro.blogspot.com.br

  1. Gugu Keller disse...:

    Obrigadíssimo por tua presença no meu blog!
    GK

  1. Luana - LL disse...:

    sonhos sempre nos mostram muita coisa! Adoro os seus textos, são tão ótimos

    beijos, Lu
    Lendo ao Luar

  1. Viviane Alves disse...:

    Obrigada pelas suas palavras de carinho, pela sua presença em meu blog em 2012 e que 2013 venha com tudo, com alegria, paz, saúde, amor e muitas realizações.
    bjs
    Vivi
    http://www.viviass.blogspot.com.br/

  1. Uma coisa engraçada nos sonhos é que a gente nunca lembra o começo deles, como ele começou, ao menos é assim comigo.
    Quando estou irritada com alguém sonho com essa pessoa, normalmente faço coisas maldosas com ela, hoje mesmo sonhei que jogava alface em minha mãe, muitas alfaces. kkkkk Eu estava irritada com ela e no sonho eu falava muitas coisas pra ela e joga as alfaces. kkkk Eu tinha comido muita salada antes de ir domir também. kkkk

  1. Rafa Oliveira disse...:

    Sonhos sempre me deixam intrigada, não acho que eles ocorrem sem motivos.
    Rafa
    Blog Melody
    http://rafaacarvalho.blogspot.com.br/

  1. Luara Cardoso disse...:

    Que engraçado esse sonho, Isie. Eu acho que se eu tivesse um sonho desses, nunca interpretaria dessa maneira.
    Um dia ainda vou estudar mais sobre isso, acho algo bem interessante de se aprender. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

  1. Nossa achei super interessante e me fez pensar bastante sobre isso !
    Muito bom, adorei! Beijos!
    http://eternaadolescenteblog.blogspot.com.br/

  1. Heitor Lima disse...:

    Caramba, que análise! Quase me perdi oiaioaoiioa'
    Interessantíssimo, ainda por cima você tem seu próprio material de trabalho, hein? Eu não tenho tantos sonhos assim :P
    Até mais, mana! ;*

  1. Elder Ferreira disse...:

    Eu estava comentando isso com minha família, minutos antes da ceia, digo, já toda a galera em círculo em volta da mesa e fazendo suas orações. Daí eu disse que provavelmente 25 de dezembro não era a data do nascimento de cristo e que, na minha opinião, o maior significado da data era a união da família, era o estar junto das pessoas que se ama em um momento de fraternidade, e que isso deveria se repetir sempre. Foi bem legal e lembrei disso lendo o início do seu post.

    Sobre os sonhos, eu quase compro um livro do Freud que está sendo vendido pela L&PM, A Interpretação dos Sonhos, li o primeiro capítulo e achei beeeeeeem interessante.

    Bonito texto, como sempre, boa festas Isie!

    http://oepitafio.blogspot.com.br/

Postar um comentário

A sua participação é muito importante. Comente!