[Resenha] Em Busca de um Final Feliz

domingo, 28 de julho de 2013
Olá, amigos. Hoje eu trago para vocês a resenha de Em Busca de um Final Feliz. Faz um tempinho que li esse livro e resenhá-lo não foi nada fácil, pelo simples fato de esse ser um dos livros mais complexos que li em pelo menos um ano. Como a história é real, coletei algumas fotos. Espero que curtam.

Título original: Behing the Beautiful Forevers
AutorKatherine Boo
Tradução: Maria Angela Amorim De Paschoal
EditoraNovo Conceito
Gênero: Não Ficção - Sociologia
Páginas: 288
Ano: 2013

Sinopse

Em Busca de um Final Feliz, de Katherine Boo, é um livro brilhantemente escrito. Através de uma forte narrativa, descobrimos como é o dia a dia dos moradores de Annawadi, uma favela à sombra do elegante Aeroporto Internacional de Mumbai, na Índia. A história de seus habitantes nos faz rir e chorar, porque “o que é celebrado neste livro não é o que poderíamos chamar toscamente de ‘o encanto da lama’, mas a riqueza das pessoas que — para o bem e para o mal — compõem um tronco social que está cada vez mais presente no nosso mundo moderno”. (Zeca Camargo, em prefácio a esta edição).

O leitor vai se apaixonar por Sunil Sharma, o menino catador de lixo que quer ficar rico, por Manju, a moça mais bonita da favela, que quer ser professora, e até pela tresloucada Fátima, a Perna Só, que só quer um pouco de atenção.

Resenha

"Parecia que os barracos haviam caído do céu e foram amassados na aterrissagem." (página 190)

Em Busca de um Final Feliz é um livro de não ficção que conta a história real de alguns moradores de Annawadi, uma pequena, populosa e miserável favela construída nos arredores do aeroporto de Mumbai - Índia. 


Inicialmente, achei que não conseguiria ler o livro, pois a presença de diversos personagens, surgindo um após o outro, me confundia. Contudo, persisti na leitura e não me arrependo. Katherine Boo esteve em Annawadi, desde novembro de 2007 até março de 2011, coletando informações dos moradores da favela e conseguiu contar histórias diferentes, sob visões absolutamente distintas. 


Manju
Logo somos apresentados a Abdul e sua família, revendedores de lixo que conseguiram melhorar um pouco de vida e por isso despertaram a inveja de muitos vizinhos; a Sunil, um garoto que tem medo de não crescer e se tornar um adulto com aparência infantil; a Asha, uma mulher astuta e determinada que está disposta a fazer o que for necessário para entrar na corrupta política de Mumbai e livrar sua família da miséria; a Manju, filha de Asha, uma linda jovem que conseguiu entrar para faculdade e se reveza entre tomar conta da casa, dos irmãos, da escolinha de ensino básico para crianças da favela e estudar para se tornar a primeira mulher de Annawadi graduada numa faculdade; a Fátima, mais conhecida como Perna Só, devido a sua deficiência física; a diversos personagens reais, dentre os quais o meu favorito - aliás, o meu favorito em todo o livro - é Kalu, um ladrãozinho que sabia contar histórias como ninguém e que também foi o primeiro a arrancar lágrimas dos meus olhos.


"Ele achava melhor começar o dia já sabendo que este dia seria tão chato quanto os anteriores. Desta forma, ele não ficaria tão desapontado." (página 156)

Um livro que faz rir e chorar. Rir, porque muitos personagens são crianças com responsabilidades de adultos, e eles são tão ingênuos a ponto de ter medo de fantasmas e de acreditar em lendas a respeito de travestis que dançam e lançam maldições. Chorar, porque é tanta corrupção, injustiça e miséria que no fim das contas são mais lágrimas do que risos.

"Ser tão pobre para ter de trabalhar tão jovem já parecia um castigo suficientemente grande". (página 158)
   
Mas a esperança dos personagens é realmente animadora. Tudo que eu posso desejar é que eles alcancem os seus sonhos e tenham um final feliz.

"Minhas flores vivem mais tempo porque eu não guardo nada sombrio no meu coração. Eu deixo as coisas ruins saírem." (Meena, página 209)




Classificação

14 comentários:

  1. Elder Ferreira disse...:

    Livros onde os escritores colocam crianças enfrentando problemas comuns do universo adulto já despertam minha atenção pela ousadia (como Gone do Michael Grant). O que ainda mais chama a atenção é esse trabalho que os autores fazem de mergulho no ambiente da história por meio de extensas pesquisas ou até mesmo viagens longas. É difícil algum título da Novo Conceito me deixar curioso, mas eu realmente fiquei interessado na história de 'Em Busca De Um Final Feliz'.

    Parabéns pela resenha, Isie, mas me interessei tanto pelo livro que cheguei a desejar que você falasse ainda mais sobre a obra.

    Um abraço.

  1. Carol disse...:

    Esse livro me surpreendeu... Já vi a capa em diversos lugares e nunca me chamou atenção, quando li sua resenha eu pensei: Deveria ter pegado. Adoro não ficção e temas sociais! Já está anotado para a próxima leitura, viu?
    Grande beijo <3
    http://queridosquinze.blogspot.com.br/

  1. Acho que li poucos livros sobre histórias reais,
    Esse parece ser muito emocionante mesmo, livros baseados em casos reais são mais emocionantes, pois a gente fica tentando se colocar no lugar da pessoa que passou por todos os fatos.
    Parece ser interessante, gostei muito da resenha, foi bem verdadeira.

    Beijos :)

  1. thaila oliveira disse...:

    parece um livro de grande aprendizado sobre as dificuldades alheias, um tapa na cara da sociedade,espero logo ler!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

  1. Luciana Leal disse...:

    Olá, adorei o seu blog, ao ler alguns posts, vi que você é uma pessoa esforçada que só quer falar e ser ouvida na blogosfera, assim como eu. Posso dizer que gostei muito do que li, vc tem um potencial enorme e sei que será um grande blog de fácil entendimento e conteúdo gostoso de ler. Sou Luciana Shirley do blog http://coisasecoisasdalu.blogspot.com.br/ se desejar me visite e siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

  1. Fernanda Bender disse...:

    Ganhei esse livro em um sorteio mas não li ainda... é a primeira resenha que leio sobre ele e fiquei empolgada agora para começar. :)

  1. Silvia Pereira disse...:

    O livro parece ser muito bom,vou tentar lê-lo até o fim do mês.A sua resenha está muito boa.
    Bjs!
    http://pocketlibro.blogspot.com.br/

  1. TB disse...:

    Parece ser um livro muito bom. Adoraria lê-lo
    Beijo,
    Nic

  1. Paloma Viricio disse...:

    Oiee Isie! Confesso que inicialmente esse livro não me atraia nem um pouco, tanto que não solicitei para resenha. Essa apresentação de personagens de forma consecutiva iria embolar minha mente também. kkk Mas de forma geral vi que esse livro parece ser muito bom e emocionante...adoro obras que conseguem mexer com o leitor. Quero ler...verei se peço pela PDV!
    Beijos!
    Paloma Viricio- Jornalismo na Alma

  1. Angela Graziela disse...:

    Li esse livro e amei
    Nos trás uma realidade tão triste e que infelizmente acontece e muitos viram as costas
    Mas o livro já ajuda a mostrar o que não estamos vendo

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

  1. Amanda Cristina disse...:

    Oi Isie! Desde que recebi meu exemplar para resenha, venho lendo -e me apaixonando-pelas mais diferentes resenhas! Esperança é a palavra chave para tudo e acredito que, assim como você disse, em "Em Busca de um Final Feliz" isso seja imensamente importante.
    Gostei muito dos seus comentários, me deixou ainda mais curiosa! Com certeza é uma obra que vai valer a pena! <3

    Beijinhos! www.primeiro-livro.com

  1. Dany disse...:

    O livro parece ser muito emocionante *-*
    Fora que esses quotes são muito lindos.
    Beijos.

  1. José Agenor disse...:

    Muito interessante, adoro livros que despertem as emoções..

    Bjus.
    José Agenor
    Blog: http://www.blogdojoseagenor.com.br/
    Fan page: https://www.facebook.com/BlogdoJoseAgenor

  1. Niki disse...:

    Oi, Isie. Já tinha visto esse livro, mas não havia buscado informações sobre ele. Parece ser emocionante e muito comovente. É sempre interessante conhecer as muitas realidades que existem pelo mundo a fora e sempre muito triste descobrir as mazelas de outros povos. Fiquei interessada na leitura e acho que vou encará-la quando tiver uma brecha na minha listinha.
    Beijos,
    Niki - http://www.meigaemalefica.blogspot.com

Postar um comentário

A sua participação é muito importante. Comente!