[Carta] Você - Você - Pra Você

domingo, 29 de maio de 2011
Olá, amigos! Hoje, compartilharei com vocês um pouco da minha particularidade. Estou aqui num mar de objetos fora do lugar - estou bagunçando a casa, a fim de empacotar tudo e mudar de apartamento -, mas acabo de encontrar um presente que recebi antes mesmo de nascer, uma carta escrita por meu pai, exatamente trinta dias antes do meu nascimento. Oh, estou mesmo chorando, porque agora tenho certeza do poder das palavras dos pais a respeito de seus filhos. Sem mais delongas...

__________________________________


Você - Você - Pra Você





Tudo pronto...
Estamos esperando sua chegada.
Você já está desenvolvido e crescido.
Imaginamos que você seja ela, 
Pois já temos um ele a te esperar pra brincar,
Pra vocês se amarem como pessoas iguais e irmãs.

Mamãe está ansiosa por você.
Venha logo!
Queremos ver de uma vez como você é
E com quem és tão parecido.
Tudo que for preciso pra você ser feliz
Papai e mamãe farão.

Teu nome também vai ser bonito,
Como é o do teu irmão.
Aliás, tudo pra você será bonito,
Pois você foi feito com amor e vontade.

Venha logo, tá? Venha logo!
Viver é maravilhoso.
Serás um filho bom, honesto,
Acreditarás em Deus e verás 
Que a vida é linda.


AFETO - Antonio Fernandes
29.09.82
---------------------------------

Resposta para meu pai

Seu Fernandes, painho.

        Sei que já não nos vemos tanto quanto gostaríamos, mas o nosso amor jamais se desfará por isso. Obrigada pelas suas palavras. Meu nome é mesmo lindo, e tudo na minha vida também, sou exatamente da forma como o senhor profetizou. Obrigada, muito, muito obrigada mesmo! Ainda temos muitas coisas boas para compartilhar aqui na terra. Eu quero te honrar sempre, independente dos obstáculos que a vida possa tentar colocar em nosso caminho. Serei sempre a sua "Darago" e o senhor será sempre o meu grande herói. 

Oro pela sua felicidade. Deus continue te abençoando.

Te amo!


Daíse Fernandes Oliveira.
29.05.2011




3 comentários:

  1. Anônimo disse...:

    Que bom Daíse, voce nasceu num lar cristao. Seus pais sempre te amaram e te respeitaram. Agora entendo porque voce é tão feliz. Toda nossa boa formação se inicia na infancia e levamos para o resto da vida as marcas do amor. Bjss da amiga Monica.

  1. Isie Fernandes disse...:

    Oi, Monica, muito obrigada pela sua visita!

    Que interessante... Meus pais não eram assim... cristãos. Sem falar que minha infância foi super conturbada (problemas de família), mas a palavra dos pais faz mesmo a diferença na vida dos filhos, Deus honra. E o desejo do meu pai, apesar de tudo, sempre foi a nossa plena felicidade. Hoje, todos em minha família somos cristãos praticantes (minha mãe há mais de quinze e eu há dez), exceto meu pai (e meu irmão, que anda cambaleante na fé)... Mas eu creio na mão poderosa do Senhor.

    Posso mesmo atribuir minha felicidade a Deus, sem dúvida, foi Ele que me fez superar todas as dores e seguir em frente sem levar em conta o mal passado. Deus é mesmo muito bom! =D

    Beijão!

  1. Dai DZ disse...:
    Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário

A sua participação é muito importante. Comente!